1

A quem Zito Rolim quer enganar? Aproximação com Grupo FC vai além de acordo de divulgação de ações do governo municipal

Se não é verdade o retorno de Zito ao Grupo FC, por que ele mesmo não desmente, ao invés de usar porta voz?

Caiu como uma bomba o anuncio no Blog Correio Codoense que Zito Rolim estaria de volta ao Grupo Empresarial FC Oliveira. Estaria Zito, dando o sinal de quem apoiará para prefeito? Claro que sim, o prefeito de Codó está agora entre a cruz e a espada, entre o céu e o inferno. Parte de seus correligionários respondem que não é verdadeira a aproximação, mas é notório que o Grupo FC Oliveira, liderado por Francisco Carlos Oliveira, está fazendo esta aproximação coercitiva de Zito, pois o prefeito teve várias oportunidades de declarar sua posição com relação ao pleito municipal deste ano.

Alguns secretários municipais já estão se distanciando de Zito e vice – versa, quem sabe que não tem espaço no grupo do empresário mais rico do estado, naturalmente procurará uma brecha pra se esconder do leão. Alguns mais próximos do prefeito, perceberam que ele já não é mais o mesmo,  depois de sofrer tanta pressão, até as reuniões que aconteciam com os secretários já não acontecem mais com a mesma frequencia. Para onde Zito ia, um pelotão era formado para disputar uma vaga para sair nas fotos ao lado do chefinho, isso realmente não acontece mais.

Zito abriu as portas das escolas para Nagib, pedagogicamente isto quer dizer o quê ?

Sob o pretexto de levar às escolas o Espírito  Olímpico aos estudantes, todas as elas da rede pública municipal estão sendo visitadas pela comitiva de Francisco Nagib, que faz questão de ir pessoalmente uma a uma acompanhado da representante codoense que participou do revezamento da tocha e funcionária da Fundação FC Oliveira dona Alba Rejane, que percorre e conversa com grupos de jovens passando uma mensagem otimista para todos.

Em outros tempos e contextos, isso jamais aconteceria, todos nós sabemos que por trás da tocha, há sim um interesse eleitoreiro, apesar da maioria do público alvo não votar ainda, Nagib quer mesmo é ser visto e passar a impressão do bom moço, mas ainda há uma recusa e desconfiança do público mais jovem, como prova disso a estratégia de visitar as escolas parece ter sido mais proveitosa para dona Alba do que para ele.

1

Atenção autoridades – Transporte intermunicipal irregular coloca em risco vida de usuários

transporteMeus caros leitores, andando pelas cidades de Timbiras e Codó não é muito difícil encontrarmos irregularidades cometidas no transporte de passageiros. Se passarmos pela Praça Almirante Tamandaré, que é considerada um ponto de embarque e desembarque de pessoas que chegam da Zona Rural de Codó e até mesmo da cidade de Timbiras.

Hoje em dia, é muito comum o trabalhador que é demitido de seu emprego, receber uma pequena quantia em dinheiro referentes a direitos trabalhistas e investi-lo em algo que possa ser rentável, pelo menos temporariamente.

Acontece que, a procura por uma atividade rentável que gere recursos não pode ultrapassar os limites da legalidade. Em Codó, flagramos um exemplo de transporte irregular de passageiros. De acordo com informações levantadas pelo Blog do Bezerra, constatou se que um caminhão sem placas (traseiras e dianteiras) está fazendo linha entre a cidade de Timbiras (Zona Rural) e Codó. Além das irregularidades das placas, o motorista do veículo não possui autorização de nenhum órgão estadual ou municipal para explorar a atividade e os pneus do veículo estão todos sem condições de uso.

Várias vezes o caminhão foi visto perfazendo o trecho ao longo da área comercial de Codó e realizando o embarque e desembarque de passageiros.

O transporte de vidas deve ser feito com o maior cuidado possível, tendo o motorista de ser habilitado para a categoria compatível com o veículo e este precisa obrigatoriamente estar registrado e licenciado pelo DETRAN-MA.

Portanto, pedimos aos órgãos fiscalizadores que tomem as devidas providências para que não tenhamos no futuro, exemplos de acidentes trágicos com perdas de vidas, pois o caminhão transporta crianças e animais diariamente, saindo de Timbiras as 07h e chegando a Codó por volta das 8h30min.

0

UEMA forma o primeiro aluno com deficiência auditiva em curso de pós-graduação

SIMBOLO DA UEMANETSuperação – Esta semana foi marcante na história da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) porque é a primeira vez  que um aluno com deficiência auditiva concluiu um curso de pós-graduação pela UEMA.

Marcio Roberto Silva e Silva, formado em Pedagogia, enfrentou uma banca de professores, dia 15 de junho, para defender seu trabalho de conclusão de curso (TCC) em Psicologia da Educação com o tema “Inclusão do aluno com surdez na educação superior a distância: estudo de caso no curso de Especialização em Psicologia da Educação em São Luís-Ma”.

Foi um momento de muita emoção, especialmente quando o reitor Gustavo Costa compareceu à apresentação do estudante. “Quando soube deste evento adiei todos os compromissos da minha agenda, especialmente para estar aqui neste momento”, disse.

A vitória de um aluno deficiente auditivo deixou o reitor comovido.“É um momento que acaba sendo histórico pelo simbolismo, que venham muitos outros iguais. A UEMA já graduou vários nos cursos de graduação, mas na pós-graduação é o primeiro e eu tenho certeza que muito do que está acontecendo hoje tem sido resultado do trabalho desenvolvido pelo Uemanet em implementar o curso de Educação a Distância – EAD com total nível de acessibilidade. Não basta só o conhecimento científico, a gente identifica o carinho, a paciência e a sensibilidade para que histórias de sucesso como essa aconteçam” finalizou o reitor.

Em meio ao aplauso de todos presentes coube ao reitor Gustavo Costa anunciar, em LIBRAS, a nota 10 alcançada pelo aluno em seu TCC.
Com a chegada do aluno, o UEMAnet criou uma série de possibilidades para facilitar seu aprendizado. Como ele era um aluno que optou pela Educação a Distância, as vídeoaulas foram legendadas e uma intérprete foi contratada para acompanhá-lo traduzindo tudo para a Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS).

“Superação é a palavra que melhor define este momento. Fizemos o possível pra melhorar a acessibilidade digital para o Márcio, mas a garra e a força vieram com ele” declarou a Professora Ilka Serra, Coordenadora Geral do Núcleo de Tecnologias para Educação – UEMAnet.

Ao mesmo tempo, o departamento de design educacional começou treinamentos sobre acessibilidade com mentoreamento e capacitações realizadas por profissionais da Universidade Estadual Paulista –UNESP. Com toda disposição para este novo momento, os designers educacionais mobilizaram-se e produziram a primeira aula com tradução simultânea para LIBRAS.

“Certamente as aulas em LIBRAS ajudaram bastante, pois ela é a minha primeira língua, é através dela que compreendo e interajo com o mundo.” Expressou-se Marcio Roberto Silva e Silva. E, confiante, ainda complementou: “E agora meu próximo desafio será o Mestrado.”

Pós-Graduação em Psicologia da Educação

A pós-graduação oferecida pelo UEMAnet em Psicologia da Educação é disciplina fundamental nos cursos de formação de educadores, tanto na graduação quanto na pós-graduação.

Esse curso surge para aprofundar os conhecimentos e habilidades acerca dos processos e variáveis de natureza psicológica intervenientes da situação educativa, necessários no ato educativo.

A Psicologia da Educação estuda esses processos de conhecimento que são vividos por pessoas que participam de atividades educativas em diferentes âmbitos como a escola, a família e o trabalho.

Você pode conhecer mais sobre os cursos oferecidos pela UEMA e intermediados pelo UEMAnet em www.uemanet.uema.br

 Por: Ruben Mukama/UEMAnet

0

“Garçom do Lula” é alvo da Operação Custo Brasil, ele é suspeito de ser beneficiado por propina

B41b9QHIQAAdqjoEntre os alvos da Operação Custo Brasil, braço da Lava Jato deflagrada nesta quinta-feira, está o empresário Carlos Roberto Cortegôso. A casa e a empresa dele foram alvo de busca e apreensão. Cortegôso ficou conhecido como “garçom do Lula” porque trabalhou num restaurante em São Bernardo do Campo frequentado pelo ex-presidente quando ele atuava como sindicalista.

Ao detalhar aos investigadores como se deram os pagamentos de propina pela Consist, o ex-vereador do PT, Alexandre Romano, contou que 1/3 da propina ficava com o ex-ministro Paulo Bernardo e os outros 2/3 era repassados via pessoas jurídicas, entre elas a CRLS de Cortegoso, ao tesoureiro do PT, João Vaccari

Diz Romano sobre os 2/3 da propina direcionado à João Vaccari e ao Partido dos Trabalhadores: “Num primeiro momento era CRLS, representada pelo Cortegoso, que realizava os pagamentos emitindo notas contra a Consist. Num segundo momento, era a empresa Politec, representada pelo Helio Oliveira, que realizava o pagamento. E, por fim, num terceiro momento era a Jamp, representada pelo Miltom Pascowitch.”
Quem é Cortegôso. No fim dos anos 1990, Cortegôso mantou uma pequena empresa de produção de camisetas e material de campanha. Com a chegada do PT ao Palácio do Planalto em 2002, o negócio cresceu rapidamente e ele virou o principal fornecedor do partido em campanhas.

Ao mesmo tempo, começaram a ser identificadas irregularidades em seus negócios. Operador do mensalão, o empresário Marcos Valério Fernandes de Souza drenou dinheiro do esquema para uma empresa de Cortegôso.

O ex-garçom, então, fundou uma outra empresa sem o seu nome, a Focal Confecção Comunicação. Em 2014, a empresa faturou R$ 25 milhões na campanha reeleitoral da presidente Dilma Rousseff. Só ficou atrás do marqueteiro João Santana.

Na prestação de contas, foi identificado que a empresa tinha como sócio um motorista que morava num bairro de periferia. Isso motivou a abertura de uma investigação sobre as contas da campanha de Dilma pelo Tribunal Superior Eleitoral, ação que pode resultar na cassação do mandato da dela.

0

BURITICUPU – Ex-prefeito é condenado por calúnia contra promotor de justiça

Antônio Marcos de Oliveira, o “Primo” – Condenado

Em audiência realizada na última terça-feira, 21, no Fórum de Buriticupu, foi determinado ao ex-prefeito Antônio Marcos de Oliveira, o “Primo”, o cumprimento de pena pelo crime de calúnia contra o promotor de justiça Alessandro Brandão Marques. O fato ocorreu em 2007.

No processo, o ex-gestor foi acusado pelos crimes de calúnia e difamação, tendo sido condenado, respectivamente a um ano e oito meses de detenção. De acordo com o juiz Duarte Henrique Ribeiro de Souza, no entanto, o segundo crime prescreveu, pois a Denúncia só foi feita em 2010, e a pena foi extinta.

A pena por Calúnia, que era de um ano, foi substituída por duas restritivas de direito com a obrigação de prestação de serviços à comunidade e limitação de final de semana. Foi pedido pela defesa do ex-prefeito a substituição da prestação de serviços pelo pagamento de um valor em dinheiro, o que foi aceito pelo juiz, com a anuência do promotor Peterson Armando Azevedo de Abreu, titular da Comarca de Buriticupu.

Dessa forma, Antônio Marcos de Oliveira foi condenado ao pagamento de R$ 40 mil, em duas parcelas, que serão destinados a algum projeto social determinado pela Justiça, e a permanecer em sua residência pelo período de cinco horas nos sábados e nos domingos pelo prazo de 30 dias. Nesse período, o ex-prefeito deverá utilizar uma tornozeleira eletrônica.

0

Judiciário solicitará ao Estado transferência de crédito para pagamento dos 6,3% dos servidores

A reunião ocorreu no gabinete da Presidência

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Cleones Cunha, comunicou ao presidente em exercício do Sindicato dos Servidores da Justiça do Maranhão (Sindjus-MA), Márcio Souza, que solicitará ao governador do Estado, Flávio Dino, a transferência da suplementação de crédito adicional destinada ao pagamento da Gratificação de Produtividade Judiciária (GPJ) para a atualização das tabelas de vencimentos dos servidores efetivos do Poder Judiciário no percentual de 6,3%.

O desembargador explicou que no ofício – apresentado em mãos ao sindicato e que será entregue ao governador – é solicitada também a garantia da inclusão do montante referente à atualização dos vencimentos nas propostas orçamentárias dos exercícios subsequentes, uma condição para transferência do valor.

Na formalização do pleito, o Judiciário considera que – tecnicamente – não haverá impedimento legal para a transferência da suplementação de crédito adicional, por tratar-se do mesmo Grupo de Natureza de Despesa (GND-I).

O encontro com o governador para tratar da proposta poderá ocorrer na próxima segunda-feira (27). De acordo com o presidente do TJMA, a decisão acordada será informada ao Sindjus, em reunião com a entidade sindical.

Outra deliberação acorda é que o Poder Judiciário constituirá uma comissão formada por desembargador e servidores para discutir as demandas do Sindicato dos Servidores da Justiça a médio e longo prazo.

Por: Joelma Nascimento

Assessoria de Comunicação do TJMA

0

IFMA – Autorizada a construção do IFMA no município de Colinas

OrdemdeServicoColinas2016 (5)

(Da esq. à dir.) Antonio Feitosa, Antonio Carlos, Roberto Brandão, João Meneses e Celso Azevedo

Um importante passo foi dado para a implantação do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) em Colinas, a 442 Km de São Luís. Nesta terça-feira (21), foi assinada a ordem de serviço para a construção do Centro de Referência de Colinas, que vai levar educação profissional e tecnológica à região do alto sertão maranhense. A cerimônia foi realizada no Auditório da Prefeitura e contou com a presença de representantes da sociedade civil, poder público e dirigentes do IFMA.

A obra no valor de R$ 4.209.864,12 (quatro milhões, duzentos e nove mil, oitocentos e sessenta e quatro reais e doze centavos) será edificada pela empresa J. Meneses Construções Ltda. em um terreno de 5 hectares localizado às margens da MA 270, rodovia que liga Colinas ao município de Mirador. O prazo para início da construção é de até 30 dias.

A ordem de serviço foi assinada pelo reitor do IFMA, Roberto Brandão; pelo prefeito de Colinas, Antonio Carlos; pelo diretor de Infraestrutura do IFMA, Celso Azevedo; pelo chefe do Departamento de Obras e Fiscalização, Magno França; pelo chefe do Departamento de Projetos, Nonato Filho; pelo sócio administrador da empresa J. Meneses, João Meneses; e teve como testemunhas diversos moradores e autoridades do município.

Educação que transforma – O reitor, Roberto Brandão, fez uma retrospectiva do processo de implantação do IFMA em Colinas, destacando a audiência pública realizada em 2014 no município, em que a sociedade civil pôde exercer o protagonismo na definição dos eixos tecnológicos que serão oferecidos pela unidade. Ele falou também que o Instituto já atua no município por meio da educação a distância (EAD), ofertando cursos superiores no âmbito do Programa Universidade Aberta do Brasil (UAB). “O Instituto Federal do Maranhão vai oferecer a Colinas e região formação profissional e tecnológica, oportunizando uma mudança na qualidade de vida do nosso povo através da educação”, ressaltou.

“A instalação do IFMA em Colinas é um sonho de décadas de milhares de famílias da região, que até hoje dispendem muitos esforços, sobretudo financeiros, mandando os filhos estudar fora, a fim de lhes proporcionar uma educação de qualidade. Esse sonho dos colinenses se tornou uma realidade a partir da autorização oficial para o início das obras”, destacou o prefeito Antônio Carlos.

A cerimônia teve a presença também do vice-presidente da Câmara Municipal, Antonio Feitosa; do procurador-geral do município, Bento Lima; da representante da Secretaria Municipal de Educação, Áurea Alice da Silva; de Daniel Passos, empresário que doou o terreno para a construção do IFMA; da assessora do reitor, Rebeca Reis; de diretores-gerais do IFMA: Werbet Ferreira (Açailândia), Dioclides Gonçalves (Carolina), Alberto Gonçalves (Grajaú), Saulo Cardoso (Imperatriz), Júlio César Souza (Porto Franco); e do chefe do Departamento de Administração da Diretoria de Educação a Distância do IFMA, Samuel Barroso.

Após o encerramento da solenidade, houve uma visita ao terreno onde será construída a obra.

0

Estudantes destacam importância do Fies na luta pela realização do sonho da universidade

Entre os critérios para concorrer ao financiamento, os candidatos devem ter participado de alguma edição do Enem a partir de 2010 (arte: ACS/MEC)No oitavo semestre da faculdade de odontologia, o cearense Rodolfo Pedrosa, 23 anos, é enfático quando o assunto é a oportunidade que teve por meio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). “Se não fosse com o financiamento, eu não poderia estar na universidade”, afirma o futuro dentista. “Foi um grande impulso para o meu ensino superior.”

Formada em 2015, Iêda Dias, de 23 anos, também agradece ao Fies a chance de realizar o sonho de se tornar dentista. Quando tentou o vestibular para a universidade pública, ela não conseguiu pontuação para o curso desejado. Mas, graças ao financiamento, pôde se dedicar integralmente àquela que considera sua vocação.

“O programa me deu a oportunidade de formação no que eu queria. Eu recomendo muito (o Fies), com certeza”, afirma. “Ele me ajudou muito porque senão eu não teria realizado meu sonho, e no tempo que eu queria.” Profissional recém-formada, Iêda já tem a agenda concorrida.

Inscrições — Com 75 mil vagas abertas, as inscrições, em uma única etapa, para o segundo processo seletivo do Fies deste ano começam na próxima sexta-feira, 24, e seguem até as 23h59 dia 29, exclusivamente pela internet. A consulta de vagas está disponível no portal do programa. O resultado dos pré-selecionados sai no próximo dia 30.

Este processo seletivo do Fies traz uma mudança no requisito da renda familiar mensal bruta, por pessoa, que passa de dois e meio para até três salários mínimos. Assim, podem participar do processo os candidatos que, além de cumprir esse critério de renda, não tenham concluído curso superior, mas tenham concorrido em alguma das edições do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010 e obtido nota mínima de 450 pontos na média das provas e nota na redação que não seja zero.

A divulgação dos candidatos pré-selecionados está prevista para o dia 30 deste mês. Os pré-selecionados terão, então, cinco dias úteis, a partir de 1º de julho, para concluir a inscrição no SisFies. As convocações dos selecionados com base na lista de espera serão divulgadas no período de 4 de julho a 8 de agosto.

Corte — A partir do segundo dia de inscrições, o sistema de seleção apresentará as notas de corte parciais para cada curso — a nota de corte é a nota mínima que mantém o candidato entre os selecionados em um curso, com base no número de vagas e no total de inscritos.

O Edital nº 64/2016, da Secretaria de Educação Superior (Sesu) do MEC, que torna público o cronograma e demais procedimentos relativos ao processo seletivo do Fies referente ao segundo semestre deste ano, foi publicado no Diário Oficial da União do dia 17 último.

Assessoria de Comunicação Social

1

Fabrízio Araújo – Cursinho gratuito em ano de eleição gera suspeitas

Foto – Blog do Sílvio Ramon

O prefeito da cidade de Timbiras lançou no último sábado o que ele chama de “Programa Timbiras Aprova”, cuja finalidade é a preparação dos estudantes que estão concluindo e para os que já terminaram o Ensino Médio, para fazerem o Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM 2016.  Seria interessante a iniciativa se não estivéssemos às vésperas de um pleito eleitoral, onde o próprio prefeito é candidato à reeleição para o Executivo Municipal, o tal “Programa”, deverá beneficiar apenas 80 alunos.

Repercussão Negativa

Como o povo está mais atento e percebeu que no ano de eleição municipal, outros programas serão criados para tentar chamar a atenção dos eleitores e confundir a todos com ações assistencialistas e eleitoreira. Como as eleições serão realizadas em outubro e aos provas do ENEM ocorrerá em Novembro, quero aqui lançar um desafio aos Timbirenses:

“Se o prefeito não for reeleito, aposto que após o resultado do pleito o programa será cancelado”

Já faz parte do comportamento do prefeito de Timbiras a retaliação aos inimigos declarados, uma derrota nas urnas poderá desencadear uma revolta e grandes mudanças no tocante às políticas públicas, o que for criado agora poderá ser desmanchado. É melhor ficar atento e não piscarmos os olhos.

1

Jovem de 18 anos se joga de apartamento no Condomínio Brisas no Altos do Calhau em São Luis

WhatsApp-Image-20160622 (1)Mais uma morte trágica em São Luís. Uma garota de 18 anos, identificada pelo nome de Lara Sena se jogou da cobertura de uma das torres do Condomínio Brisas Life no bairro Altos do Calhau. Esse já é o segundo suicídio registrado no local. Em março, um professor da UFMA também cometeu o mesmo ato.

A Polícia e o Corpo de Bombeiros já estão no local. A imprensa também já se encontra no local, mas a área está isolada. De acordo com moradores, a garota não era moradora, mas frequentava de forma constante o condomínio. A principio, ela chegou a ser confundida com uma mulher que trabalhava como babá no mesmo prédio.

A garota teria subido até a cobertura, destrancado a grade que impede a passagem e se jogou. Lara Sena era filha da jornalista Maristela Sena. A garota chegou a desenvolver trabalho como estagiária no setor de fotografia no jornal O Imparcial.

Ao contrário do imaginado, a OMS  por meio do Programa de Prevenção a Suicídios lançou em 2000 uma série de manuais destinados a vários ramos profissionais a fim de informar sobre como prevenir e ajudar na diminuição dos casos. O Manual para profissionais da mídia diz exatamente como a imprensa e veículos de comunicação em geral devem noticiar suicídios e também sugere à mídia um papel proativo na prevenção do suicídio, que se daria através da divulgação de informações úteis junto às notícias sobre suicídios, como listas de serviços de saúde mental, juntamente com telefones e endereços de lugares onde se possa obter ajuda, listas com sinais de alerta de comportamento suicida e esclarecimentos mostrando que o comportamento suicida frequentemente associa-se com depressão, sendo que esta é uma condição tratável.