0

Acidente com avião que caiu com time da Chapecoense também estavam 21 jornalistas que fariam a cobertura do jogo da final da Sul-Americana

rafael

Narrador Rafael Henzel foi resgatado com vida do acidente (Foto: Reprodução/Facebook)

Na madrugada desta terça-feira ocorreu um acidente com o avião que levava todo o time da Chapecoense para a primeira partida da final da Copa Sul-Americana, que seria realizada amanhã contra o Atlético Nacional da Colômbia, o avião se chocou com o solo em uma região montanhosa na cidade de La Union. As primeiras informações indicam que a aeronave não está completamente destruída, porém apenas cinco sobreviventes foram localizados.

O time da Chapecoense e 21 jornalistas que iriam trabalhar no jogo embarcou em Guarulhos e fez escala em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. Lá, seguiu num voo fretado da empresa Lamia. Por volta das 22h15 (hora local), o avião sumiu dos radares. A causa do acidente ainda não foi esclarecida. O voo tinha 81 pessoas, 76 passageiros e nove tripulantes. Cinco pessoas sobreviveram, entre eles o lateral brasileiro Alan Ruschel.

Segue abaixo a relação dos jornalistas que deveriam estar na aeronave no momento do acidente:

 

Rede Globo:

Guilherme Marques, Ari de Araújo Jr., Laion Espíndola, Guilherme Laars;
RBS
Giovane Klein Victória, Bruno Mauri da Silva, Djalma Araújo Neto, André Podiacki;

FOX Sports
Victorino Chermont, Rodrigo Santana Gonçalves, Deva Pascovicci (Devair Paschoalon), Lilacio Pereira Jr., Paulo Clement, Mário Sérgio,

Rádio FM

Renan Agnolin, Jacir Biavatti;

Rádio AM
Fernando Schardong, Edson Ebeliny, Gelson Galiotto, Douglas Dorneles, Ivan Agnoletto
Rafael Henzel: jornalista da rápido Oeste Capital, de Chapecó, foi resgatado com vida.

Observação:

Os nomes acima estavam relacionados, porém, não sabemos ao certo se todos realmente estavam na aeronave.

O time da Chapecoense e 21 jornalistas que iriam trabalhar no jogo embarcou em Guarulhos e fez escala em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. Lá, seguiu num voo fretado da empresa Lamia. Por volta das 22h15 (hora local), o avião sumiu dos radares. A causa do acidente ainda não foi esclarecida. O voo tinha 81 pessoas, 76 passageiros e nove tripulantes. Cinco pessoas sobreviveram, entre eles o lateral brasileiro Alan Ruschel.

Bezerra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *