Bate – rebate, prefeita de Vitória do Mearim diz que homem que matou mecânico estava a serviço da SSP

Nota da prefeita de Vitória do Mearim, Dóris Ribeiro Rios (PV), distribuída no final da manhã deste sábado (30), revelou que a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, comandada pelo delegado Jefferson Portela, permanece lançando cortina de fumaça sobre a execução de um homem em praça pública, sob a guarda de PMs, e já ferido e sem poder de reação.

Declaração da prefeita de Vitória do Mearim sobre o vigilante Luis Carlos (ladeado pelos PMs) volta a desmontar notas da SSP
Blog do Jorge Aragão SSP desmentida novamente Declaração da prefeita de Vitória do Mearim sobre o vigilante Luis Carlos (ladeado pelos PMs) volta a desmontar notas da SSP

A prefeita lamentou “profundamente” o resultado da ação policial que culminou com a morte brutal de um homem, mas revelou que, embora seja funcionário do município, o vigilante Luís Carlos Machado de Almeida está cedido pela Prefeitura de Vitória do Mearim à Delegacia da cidade, portanto praticou a barbárie sob a responsabilidade da própria SSP-MA.

“Com relação a nota divulgada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública, confirma que um dos funcionários cedidos pela Prefeitura à Delegacia de Vitória do Mearim tem por nome Luís Carlos Machado de Almeida”, diz trecho da nota.

Na sexta-feira (29), após o Atual7 mostrar que, diferente do que afirmou a primeira nota da SSP-MA, policiais militares testemunharam a execução do trabalhador e ainda ajudaram o autor dos disparos a colocar a vítima dentro do camburão, a SSP chegou a emitir uma nota da nota, mas voltou a omitir que o vigilante Luis Carlos estava, na verdade, à serviço do Estado e não do município, como fez crer, o que pode caracterizar ato de improbidade administrativa, inclusive contra o comandante Geral da Polícia Militar do Maranhão, coronel Marco Antônio Alves, que em entrevista a um site local relatou apenas que o autor dos disparos era uma pessoa conhecida de Vitória do Mearim, e que por isso sempre dava apoio à polícia, mesmo sendo um funcionário do município.

Abaixo, a íntegra da nota reveladora da prefeita de Vitória do Mearim:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A respeito da operação policial ocorrida na última quinta-feira (28) em Vitória do Mearim, a prefeita do município, Dóris de Fátima Ribeiro Pearce, vem a público registrar que lamenta profundamente o resultado da ação policial que culminou com a morte de um homem.

Esclarece ainda que, com relação a nota divulgada pela Secretaria de Estado da Segurança Pública, confirma que um dos funcionários cedidos pela Prefeitura à Delegacia de Vitória do Mearim tem por nome Luís Carlos Machado de Almeida.

A prefeita Dóris comunica ainda que não poupará esforços a fim de colaborar com as investigações, convicta de que violência não se combate com violência e sim na observância da Lei e dos direitos humanos.

Finalmente enfatiza que confia plenamente na capacidade e competência da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão para a condução racional e justa do caso.

Fonte: Atual7

Um comentário em “Bate – rebate, prefeita de Vitória do Mearim diz que homem que matou mecânico estava a serviço da SSP

  • 31/05/2015 em 21:58
    Permalink

    Claro que o funcionário do município estava a serviço do Estado. Todos do setor de segurança fingem que não sabem que esta pratica é comum, principalmente nos municípios pequenos. Agora seria interessante os municípios não cederem mais funcionários, as delegacias vão fechar. O pior é que os PMs são obrigados a trabalhar com os funcionários cedidos, pois o efetivo é muito pequeno. Na minha opinião a culpa é do Estado.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.