Servidores aprovados no seletivo da prefeitura temem ficar sem 13º salário

medo-dinheiro

Começou a agonia para os servidores que foram aprovados no último seletivo da Secretaria de Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação para o ano de 2017, tudo por conta do prefeito de Codó, Francisco Nagib ter anunciado nas redes sociais e em seus veículos de comunicação de que estará pagando a 1ª parcela referente ao 13º salário nos próximos dias.

Nos textos o prefeito está deixando bem claro que estará pagando apenas os servidores efetivos da Educação e em outra oportunidade estará realizando os pagamentos dos servidores “Efetivos” das outras secretaria.

O temor dos ditos “seletivados” é por conta da ênfase que Nagib está dando para os “Efetivos”, não fazendo ressalva de que os servidores “seletivados” receberão em data oportuna ou em dezembro, mês em que é pago a 2ª parcela do 13º salário.

O filme poderá se repetir

Durante os 8 anos da gestão de Zito Rolim, professores contratados ficaram a ver navios no que tange ao recebimento do 13º salário e se a escrita for mantida, Nagib estará equiparando os “contratados” com os “seletivados”, o que será péssimo para sua imagem, pois os professores que foram aprovados no Seletivo Simplificado estão aguardando um tratamento diferenciado do novo prefeito.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.