Pesquisa sobre ativismo na região Nordeste tem participação do Coletivo Núcleo Codó

Pesquisa e mapeamento de Ativismo na região Nordeste busca conhecer e colocar em contato ONGs, fóruns populares, Coletivo e associações que desenvolvam ações voltadas para a defesa dos direitos dos mais variados segmentos da sociedade como defesa dos direitos da criança, entidades que arrecadação e distribuem alimento ou ainda combatam o racismo.

Esse último tema é o principal objetivo do Coletivo Núcleo Codó que no último fim de semana recebeu a visita da Escola de Ativismo por meio da pesquisadora e cientista social Camila Mendes. Esse contato foi uma das etapas da referida pesquisa e que possivelmente abrirá muitas portas para fortalecer e impulsionar o jovem Coletivo codoense.

Foram realizadas entrevistas com integrantes do movimento que representam vários dos movimentos culturais de resgate da cultura negra local como Hip Hop, dança afro, capoeira além da presença de intelectuais da área da História.

O material vai ter como resultado ainda documentário geral sobre Ativismo na região Nordeste e um material áudio visual compacto sobre cada grupo que participa da pesquisa.

O Coletivo Núcleo Codó foi presenteado com publicações coordenadas pela Escola de Ativismo além de ser feito o convite de que o movimento codoense venha em breve publicar textos sobre as suas ações educativas e culturais nas revista da escola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *